segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

ROTEIRO PARA A EDUCAÇÃO DA ALMA


ROTEIRO PARA A EDUCAÇÃO DA ALMA

Geziel Andrade

Os Capítulos do livro “Na Educação da Alma”, de autoria do Espírito irmã Maria do Rosário, psicografado pela médium Lúcia Cominatto, e publicado pela Editora EME, de Capivari-SP-, retratam bem os princípios espíritas que norteiam a educação das potências da alma.

Eles inspiraram-nos a compor o roteiro abaixo, apontando as atitudes espirituais e morais que devem sustentar o nosso esforço no aperfeiçoamento e desenvolvimento das faculdades da alma:

1 – CUIDAR DO CORPO, MAS TAMBÉM DA ALMA. Nossa preocupação não deve ser apenas a de cuidar bem do corpo material, que é instrumento de manifestação das faculdades da alma na vida terrena, com vistas ao seu aperfeiçoamento moral e espiritual e à evolução do planeta. Deve ser também a de enriquecer a alma com os tesouros imperecíveis, com vistas à vida futura: “Cuida do corpo, preserva a saúde, resguarda-te de tudo o que possa prejudicá-lo e enfraquecê-lo, libertando-te dos vícios que o agridem, e buscando uma vivência saudável para que ele se fortaleça. Contudo, faze o mesmo com a alma, evitando tudo o que também possa prejudicá-la, alimentando-a com bons pensamentos e sentimentos elevados, de amor e de paz”.

2 – MANTER A LIGAÇÃO COM DEUS, ATRAVÉS DO CULTIVO DO AMOR. Deus está acima de todas as coisas, por ser o Criador de tudo o que existe. Por isso, Jesus nos ensinou a cumprir o mandamento de amor a Deus, permanecendo ligados a Ele: “Cultiva muito amor dentro de ti, para que sintas a presença de Deus na própria vida, nos pensamentos e sentimentos, em tudo o que fizeres ou disseres”. (...) “Deus é amor: aquele que permanece no amor permanece em Deus e Deus permanece nele”. (João, 4:16).

3 – ALIAR O AMOR À SABEDORIA. Apenas a sabedoria não nos livra dos desastres morais. Por isso, ela deve estar aliada ao amor, compondo nossa bagagem espiritual e permitindo-nos que façamos um bom uso do saber, do conhecimento, da vontade e do livre-arbítrio: “Através do esforço próprio e das experiências nas diversas situações que a vida faz o ser humano percorrer, vai formando a sua bagagem espiritual, isto é, vai conquistando, simbolicamente, as duas asas – amor e sabedoria – que haverão de conduzi-lo para Deus”.

4 – EXERCITAR O AMOR. O amor deve ser praticado em todas as circunstâncias da vida, exteriorizando nobreza espiritual e moral e aprimorando o uso das faculdades da alma: “Deixe que o amor dirija os teus atos, todas as tuas palavras, todos os teus pensamentos e sentimentos para que a luz irradie de tua alma e testemunhe o teu crescimento interior”.

5 - MELHORAR O MUNDO ÍNTIMO. A educação das faculdades intelectuais, morais, mentais, sentimentais, emocionais e sexuais da alma melhora o nosso complexo mundo íntimo e nos leva a praticar o bem de um modo constante: “Concientiza-te da necessidade de melhorar o teu modo de ser, de agir, de pensar e de sentir, a fim de que os teus passos diários te direcionem à prática constante do bem”.

6 - PROMOVER A MELHORA ÍNTIMA, APROVEITANDO AS OPORTUNIDADES QUE SURGEM NO COTIDIANO. A melhora incessante do nosso mundo íntimo deve estar pautada no aproveitamento das oportunidades que surgem diariamente para educarmos as faculdades da alma, aumentarmos os conhecimentos, ganharmos experiências valiosas, adquirirmos habilidades e praticarmos as virtudes melhorando o modo de conviver e relacionar com os semelhantes: “Aproveita as oportunidades que surgem em teus caminhos, fazendo-te melhor a cada dia, corrigindo tuas falhas e reconstruindo o teu viver de um modo mais pleno e com mais lucidez”.

7 – BUSCAR A EVOLUÇÃO DA ALMA, MESMO ENFRENTANDO AS TRIBULAÇÕES DA VIDA. As lutas, as provas, os contratempos e as circunstâncias adversas da vida são oportunidades para conquistarmos as virtudes, educarmos as faculdades da alma e exercitarmos a prática do bem, vencendo as imperfeições morais e obtendo a maturidade espiritual: “A evolução do espírito se faz por meio de lutas, de esforço constante, de superação das dificuldades, mas também de aquisição de virtudes, a fim de que se consiga transformar em bem, o que estaria sendo um mal dentro de nós mesmos”. (...) “De cada adversidade da vida, procura tirar alguma lição. De cada dor que te atinge, de cada problema que enfrentas, de cada contrariedade que surge, algo mais procura aprender. De adversidade em adversidade, irás vencendo as tuas imperfeições para poderes adquirir as virtudes de que ainda careces”.

8 - COLOCAR A FRATERNIDADE EM AÇÃO. A prática da fraternidade revela o amor que temos pelos nossos irmãos de jornada evolutiva, cumprindo o mandamento de amor aos semelhantes: “Tens em ti mesmo, através do próprio corpo, todas as condições necessárias para colocar a fraternidade em ação, sempre que surjam situações em que a indulgência e outras formas de caridade, exigirem de ti demonstrações de afeto e do mais puro amor ao próximo”.

9 – CONSTATAR SE OS ENSINAMENTOS DE JESUS JÁ ESTÃO INCORPORADOS NA ALMA E SENDO PRATICADOS. Através da autoanálise, conseguimos saber se já conseguimos incorporar na alma, vivenciar e praticar adequadamente os ensinamentos religiosos e morais de Jesus: “Analisa-te interiormente, ausculta o mais profundo da tua alma para verificar se já despertaste, interiormente, a fim de que consigas realizar em ti aquela mudança necessária pela vivência constante dos grandes e nobres ensinamentos legados por Jesus, o Mestre do Amor”.

10 - SUSTENTAR A CONSCIÊNCIA EM PAZ. A consciência é a maior dádiva de Deus a nós, seus Filhos. Por isso, ela deve ser mantida em paz, pelo cumprimento das Leis de Deus, pela prática do amor, pelo uso da sabedoria e pela realização do bem ao próximo, garantindo-nos a própria evolução e a verdadeira felicidade: “A verdadeira felicidade reside na paz de consciência, por tudo de bem que se consiga realizar na vida, não só em favor do próximo, mas da própria evolução”.

11 - CONSTRUIR A PRÓPRIA FELICIDADE. A felicidade é conquista de cada alma. Ela deve ser atingida pelo cumprimento dos deveres espirituais e morais e pela aceitação da adversidade como oportunidade para a conquista de maior progresso pessoal: “Constrói dentro de ti a felicidade que desejas alcançar, realizando hoje, com alegria, todos os teus deveres de amor e caridade e aceitando, com serenidade, todas as adversidades que surjam em teu viver”.

12 - PERSISTIR NA CONQUISTA DA EDUCAÇÃO DA ALMA. A educação das faculdades da alma é meta que deve ser atingida sem esmorecimento. Assim, beneficiamos a nós mesmos e ao próximo, obtendo a evolução e a vitória na forma de luz espiritual e paz: “Não desanimes jamais. Estuda, trabalha, procurando agir constantemente, não só em benefício de ti mesmo, daquilo que tentas alcançar, mas estende ao próximo um pouco das tuas aquisições, não apenas no campo material, mas, sobretudo, em amor e entendimento que possam apaziguar os corações em desespero”. (...) “Confia em Deus, ampara-te em Jesus, buscando transformar tua vida, num manancial perene de luz e de paz”.

CONCLUSÃO: Eis ai um roteiro espírita para a educação da alma. Seguindo-o, acumulamos os tesouros espirituais e morais, que nos garantem a prosperidade, a vitória, o bem-estar, a saúde, a alegria e a felicidade, tanto na vida terrena, quanto na vida futura.

3 comentários:

Geziel Andrade disse...

A minha prezada amiga enviou-me por e-mail os seguintes comentários:
Caro Irmão Geziel Andrade.
Que lindo!!! Fiquei emocionada por verificar que o meu livro o inspirasse, de maneira tão clara,a fim de que pudesse trazer à tona toda profundidade dos ensinamentos da querida mentora, Irmã Maria do Rosário. Obrigada, de coração e que Deus o abençoe!
Um grande e cordial abraço,
Lucia Cominatto

Edgar disse...

Olá Geziel, muito boa noite. Queria te apresentar o SouVencedor.com, que é um projeto que tem o objetivo de motivar as pessoas e criar em todos um sentimento de conquista e vitória por meio da esperança independente do tamanho do desafio. O endereço é http://www.souvencedor.com. Um forte abraço.

Ideias de Luz disse...

Geziel, escrevo para informar-lhe que utilizei grande parte do conteúdo deste artigo para organizar uma palestra sobre o tema: Na Educação da Alma. Que Jesus continue te iluminando e que tuas letras levem mais luz para todos os que tem sede de conhecimento. Abraço
Daniel